Repórter News - reporternews.com.br
Internacional
Quarta - 20 de Setembro de 2006 às 13:58

    Imprimir


A China executou dois presos condenados à morte pelo assassinato de 7 pessoas com gás venenoso, durante um assalto ocorrido há um ano na província central de Jiangxi.

As apelações dos executados, Yang Lidang e Huang Guoping, foram recusadas pelo Tribunal da província de Jiangxi. Li Zhensheng também foi condenado à morte, mas sua sentença deverá ser executada dentro de 2 anos.

Os assassinatos ocorreram em 7 de junho de 2005, quando dois dos assaltantes, Pang Honjian e Wu Zhousheng, portando garrafas de cianureto de hidrogênio, uma combinação química letal, entraram em um apartamento de um edifício da cidade de Ruichang, onde outras cinco pessoas jogavam cartas.

Pang e Wu liberaram então o gás, mas não conseguiram controlá-lo, morrendo no ato junto com os cinco jogadores de cartas.

Yang Lindang, que escoltava o grupo, subiu ao apartamento para ver porque seus companheiros não voltavam, e desmaiou devido aos efeitos do gás, que em seu caso não foram mortais.

Posteriormente, Huang também subiu ao apartamento, e ao se deparar com o terrível cenário de oito corpos estendidos no chão, sete deles já mortos, chamou Li Zhensheng, outro participante do assalto, para que ele lhe ajudasse a escapar da cidade.

Horas mais tarde, Yang recuperou a consciência e retomou o assalto, revistando os sete cadáveres e roubando 2 mil dólares, cinco telefones celulares e um colar de ouro.

A Polícia deteve Yang no mesmo dia, enquanto Li foi preso dois dias mais tarde. Três meses depois, Huang foi capturado, na província de Cantão.

Segundo dados da ONG Anistia Internacional, pelo menos 3.900 pessoas foram condenadas à morte, e 1.770 executadas durante o ano de 2005, na China, país responsável por quase 90% das penas capitais de todo o mundo.

O primeiro-ministro da China, Wen Jiabao, justificou recentemente a aplicação da pena de morte, dizendo que ela não pode ser abolida, entre outros motivos, "porque se trata de uma vasta nação com uma população enorme, que inclui 56 minorias étnicas".





Fonte: EFE

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/274611/visualizar/