Repórter News - reporternews.com.br
Meio Ambiente
Terça - 13 de Julho de 2004 às 18:29
Por: Celeste Lustosa

    Imprimir


Os membros do comitê do Prevfogo se reunirão nesta quarta-feira (14.07), às 9h, na sede da Fema, para lançar a campanha para o período proibitivo de queimadas deste ano. O período proibitivo começa no próximo dia 15 e tem duração de dois meses.

Na solenidade de lançamento da campanha, representantes dos órgãos ambientais envolvidos na fiscalização e combate às queimadas estarão divulgando como será a campanha contra queimadas deste ano.

Também será divulgada à imprensa a carta Amigo Produtor, assinada pelo governador Blairo Maggi, pelo secretário especial de Meio Ambiente, Moacir Pires, e pelo gerente regional do Ibama, Hugo Werle.

Na carta, o Governo pede a parceria dos produtores rurais do Estado, no sentido de cumprir a Portaria conjunta Ibama/Fema, que determina a proibição de queimadas no território mato-grossense, do dia 15 de julho a 15 de setembro. Esta é a segunda carta, pois no ano passado o Governo do Estado também solicitou a parceria dos produtores.

No período de 15 de julho a 15 de setembro, é proibida a queima de qualquer espécie no estado e os órgãos fiscalizadores estarão monitorando e multando os infratores. “Nossos fiscais estarão monitorando todo o estado, em parceria com Ibama, e multando àqueles que não respeitarem a lei”, afirmou o secretário especial do Meio Ambiente, Moacir Pires.

A Fema também desenvolve um trabalho de Educação Ambiental, com palestras, material educativo e promoção de debates, em todo o estado, principalmente interior. “Além da fiscalização e aplicação de multas, a Fema desenvolve um trabalho de Educação Ambiental em todo o Estado, em parceria com Ibama, bombeiros, polícia florestal e toda a sociedade, onde atuamos em assentamentos, pequenas e grandes propriedades rurais e comunidades em geral, conscientizando as pessoas sobre as questões ambientais”, acrescentou Pires.




Fonte: Secom - MT

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/378122/visualizar/