Repórter News - reporternews.com.br
Esportes
Segunda - 14 de Junho de 2004 às 16:51

    Imprimir


Vaiado e substituído na derrota para o Santos, o volante Vampeta disse esta tarde que não está fora de forma, mas sim sem ritmo de jogo.

"Estou sem ritmo de jogo porque vinha parado desde a final do Campeonato Baiano (19 de abril)", justificou o pentacampeão mundial.

Os jogadores reagiram com naturalidade às vaias dos torcedores depois do jogo contra o Santos. O volante Vampeta minimizou: "Vaia é uma coisa da cultura do futebol brasileiro. Quando o time não ganha é natural vaiar. Basta vencer o próximo jogo e muda tudo", resumiu.

Confiar em mudar o resultado do Barradão, quando foi derrotado pelo Flamengo, e passar à final da Copa do Brasil. A partir desta segunda- feira, o Vitória une forças com um único objetivo: chegar quarta-feira, no Maracanã, e ganhar do Flamengo por qualquer placar ¿ desde que não seja por 1 a 0 ¿ para ser finalista da Copa do Brasil.

O triunfo por 1 a 0 obriga a decisão da vaga na final ser na cobrança de tiro livre da marca do pênalti, pois o Flamengo venceu pelo placar mínimo em Salvador, quarta- feira passada.

Os jogadores se reapresentaram na tarde desta segunda-feira. O volante Xavier, em tratamento médico, será avaliado e a tendência é que o jogador possa dar voltas no gramado. Nesta terça-feira, antes da viagem para o Rio, ele fará o teste decisivo.

Xavier sentiu uma dor na musculatura da coxa no primeiro jogo das semifinais com o Flamengo. Se ele melhorar em condições, o treinador Agnaldo Liz terá o grupo completo para a decisão. Liz está confiante e não se abateu com as duas derrotas consecutivas, uma pela Copa do Brasil e a deste domingo pelo Campeonato Brasileiro.

"Confio no meu trabalho, que é sério e com competência e quando menos esperam a gente dá a volta por cima e se supera", disse Agnaldo Liz.




Fonte: L! SportPress

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/380580/visualizar/