Repórter News - reporternews.com.br
Nacional
Quinta - 10 de Junho de 2004 às 08:44

    Imprimir


A Máfia do Sangue usou contas bancárias no Uruguai para a lavagem do dinheiro desviado do Ministério da Saúde nas fraudes em licitações para a compra de hemoderivados. A Polícia Federal descobriu que o esquema usou parentes dos suspeitos como "laranjas" nas contas. Depois de ser convertido em dólares, o dinheiro era enviado ilegalmente para o uruguai e depois retornava ao Brasil.

De acordo com a TV Globo, a Polícia Federal descobriu remessas de cerca de US$ 2 milhões de uma empresa de Montevidéu, no Uruguai, registrada em nome de Kelly Jabour, filha do representante de laboratórios Jaisler Jabour. Ela e a irmã, Ellen Jabour, seriam "laranjas" do pai.

As investigações também descobriram envio de dinheiro para paraísos fiscais na América Central e Europa.

A Operação Vampiro agora pretende investigar outros três ministérios, onde os envolvidos com a Máfia do Sangue teriam fraudado licitações.




Fonte: Terra

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/381126/visualizar/