Repórter News - reporternews.com.br
Nacional
Sábado - 17 de Abril de 2004 às 18:10

    Imprimir


O chefe da Polícia Civil, delegado Álvaro Lins, informou hoje que o traficante Fábio Roberto dos Santos, o Binho, foi um dos participantes da falsa blitz que originou os conflitos dos últimos dias na Rocinha e que levou à morte da mineira Telma Veloso Pinto, na noite de Sexta-Feira Santa, no Túnel Zuzu Angel. Com a prisão, sobe para 13 o número de presos em 12 horas na cidade.

Álvaro Lins ressaltou que a prisão de Binho é muito importante, porque o traficante não só participou da morte de Telma Pinto, mas também do grupo do traficante Eduíno Eustáquio de Araúju, o Dudu, que invadiu a Rocinha na noite de Sexta-Feira Santa.

Binho foi preso ontem à noite, em um apartamento de Botafogo, em companhia de mais quatro traficantes: Leonardo Nogueira, Anderson Lima, o Ratinho, Walmir de Souza e Leonardo Carvalho. No apartamento, foi apreendido meio quilo de maconha.

"Binho foi um dos traficantes que estavam com o grupo que participou diretamente da morte da Telma na falsa blitz, ocorrida na entrada do Túnel Zuzu Angel. Além disso, ele também participou da invasão da favela do Vidigal e de uma série de outros crimes cometidos no estado em companhia da quadrilha do Dudu", afirmou o delegado.

Com a prisão destes traficantes, sobe para 13 o número de bandidos presos pela policia do Rio em 12 horas - o cerco ao Complexo do Alemão já resultou na prisão de oito. Cinco foram presos esta madrugada em um carro roubado com armas e drogas, em uma das favelas do complexo sob cerco da polícia. Álvaro Lins afirmou que a operação é por tempo indeterminado e objetiva desestabilizar o tráfico na cidade.




Fonte: Agência Brasil

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/385748/visualizar/