Publicidade
Repórter News - reporternews.com.br
Cidades/Geral
Segunda - 26 de Fevereiro de 2007 às 17:36

    Imprimir


A subnutrição matou mais uma criança guarani-kaiowá da Reserva Indígena de Dourados, a 220 quilômetros de Campo Grande, no Mato Grosso do Sul. Ontem à tarde, Cleison Benites Lopes, de 10 meses, morreu vítima de desnutrição grave. Segundo o atestado de óbito assinado pelo médico Raul Grigolet, ele falesceu de "complicações provenientes de uma desnutrição grave".

O menor estava doente em casa, e no domingo, depois de passar pelo Posto de Saúde da reserva, morreu. A Fundação Nacional de Saúde (Funasa), instaurou procedimento interno para apurar o caso.

É a terceira ocorrência do gênero registrada este ano nas aldeias Jaguapirú e Bororó, onde residem as famílias mais pobres da reserva. No dia 10 deste mês, um garoto índio de dois anos da aldeia Jaguapiru morreu em conseqüência da fome, a exemplo de outro menino com nove meses de idade, falecido no dia 24 de janeiro último.

Segundo nota distribuída pela Funasa hoje, a família da pequena vítima, recebe três cestas básicas de alimentos por mês. A afirmação é desmentida categoricamente pela mãe do menor, Salete Benites, que há um mês não recebe alimentos. "Quando as cestas chegam não dá para alimentar todos, somos em 14 pessoas". O pai da criança, Brasil Lopes, afirmou que a situação fica pior com a falta de água potável na aldeia.





Fonte: AE

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/239780/visualizar/