Publicidade
Repórter News - reporternews.com.br
Cidades/Geral
Sábado - 26 de Fevereiro de 2005 às 21:15
Por: Elisângela Cordeiro

    Imprimir


São Paulo - A refinaria que a Petrobras pretende construir em parceria com a PDVSA (Petróleo da Venezuela) na região Nordeste pode ser iniciada ainda este ano. De acordo com o assessor especial da Presidência da República para Assuntos Internacionais, Marco Aurélio Garcia, Brasil e Venezuela já possuem os recursos necessários para que o projeto seja viabilizado. Segundo ele, o inicio das obras só depende da conclusão de detalhes técnicos do acordo.

Marco Aurélio destacou que programas como esses são importantes para integração socioeconômica de países da América Latina. Ele participou neste sábado do primeiro dia de debates do XIV Congresso Latino-Americano e Caribenho de Estudantes (Clae) realizado paralelamente à 4ª Bienal de Arte e Cultura da União Nacional dos Estudantes (UNE), no Parque do Ibirapuera, em São Paulo. "Vamos aproveitar o momento de pulverização dos governos democráticos para buscar a hegemonia na América Latina", ressaltou.

O assessor especial da Presidência da República citou, ainda, a implementação da "comunidade sul-americana", que prevê a criação de um Banco de Desenvolvimento Econômico e de uma Universidade Latino-Americana. "Vai ser uma resposta concreta a outros projetos que querem nos enterrar goela abaixo", afirmou.

Ex-dirigente da UNE nos dois primeiros anos da década de 60, Marco Aurélio disse sentir-se honrado e emocionado ao participar do congresso. Ele destacou que as mudanças não se restringiram apenas à superação de políticas ditatoriais, mas que o momento é favorável à democracia econômica e social.

Durante o ciclo de debates a simples referência aos nomes dos presidentes Lula (Brasil), Hugo Chávez (Venezuela) e Fidel Castro (Cuba) arrancaram aplausos e palavras de ordem da platéia. A previsão é de que mais de cinco mil estudantes participem do XIV Clae, que se estenderá até o dia 2 de março.

Delegações de toda a América Latina estão presentes. Entre as maiores delas estão Venezuela, México e Equador. Ministros da Educação, Esporte, Cultura e Ciência e Tecnologia brasileiros e de outros países vão participar dos próximos dias do encontro.





Fonte: Agência Brasil

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/356964/visualizar/