Publicidade
Repórter News - reporternews.com.br
Cidades/Geral
Segunda - 05 de Abril de 2004 às 20:58

    Imprimir


O ministro dos Transportes, Alfredo Nascimento, assinou nesta terça-feira (05) as portarias decretando estado de emergência em três trechos da BR-163 que se romperam com as chuvas no início do ano. Com isso, ficam formalizados os trabalhos de recuperação que já vinham sendo executados por empresas contratadas pelo Departamento Nacional de Infra-estrutura de Transportes em Mato Grosso.

Os trechos continuam com tráfego lento. Em alguns casos, a passagem de carros e caminhões se dá em meia pista. “Com a decretação da emergência, as obras ganham novo impulso”, avalia o coordenador do Dnit, Cinésio Nunes de Oliveira.

Com as portarias, o Ministério dos Transportes libera R$ 300 mil, R$ 500 mil e R$ 1,4 milhão para as obras emergenciais nesses trechos. O pedido de decretação da emergência foi feito pelo deputado federal Welinton Fagundes (PL) e pela senadora Serys Slhessarenko (PT) durante audiência com o ministro.

Além da recuperação dos três trechos, os parlamentares também cobraram uma posição do ministro com relação à elaboração de convênios com prefeituras de Mato Grosso para obras de manutenção em outras rodovias com o objetivo de abreviar a liberação de recursos.

Cinésio Oliveira explica que a elaboração de contratos diretamente com as empreiteiras requer mais tempo e, como se trata de situações críticas, a alternativa é a elaboração de convênios diretamente com as prefeituras. “Enquanto esses convênios estiverem sendo assinados, já estaremos fazendo a licitação dessas obras”, explica.

As prefeituras são as de Barra do Garças, Nova Xavantina, Primavera do Leste, Campo Verde, Guarantã do Norte, Comodoro, Diamantino e Nova Mutum.

No total, os convênios devem chegar a R$ 8, 9 milhões.




Fonte: Midia News

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/386882/visualizar/