Repórter News - reporternews.com.br
Cidades/Geral
Quinta - 25 de Abril de 2019 às 16:57
Por: Da Assessoria

    Imprimir


Diante do cenário de devastação causado pelo ciclone Idai, que matou cerca de 600 pessoas, deixou outras 1,6 mil feridas e destruiu mais de 110 mil residências, deixando 900 mil pessoas na mais absoluta miséria em Moçambique, a Ordem dos Advogados do Brasil - Seccional Mato Grosso (OAB-MT) decidiu criar uma campanha humanitária para ajudar as vítimas da tragédia, a “Moçambique Vive”. A ideia é dar visibilidade ao fato e sensibilizar as pessoas a realizarem doações em dinheiro para ajudar a estas pessoas.

O lançamento da campanha ocorrerá nesta sexta-feira (26), às 8 h, no auditório da OAB-MT. Secretário-geral da entidade, o advogado Flávio Ferreira destacou que a mobilização atende a um chamado externo. . “A Ordem recebeu um pedido de ajuda humanitária do Grupo de Mulheres de Partilha de Ideias de Sofala em Moçambique (GMPIS) e, como sempre faz, decidiu apoiar a causa”.

Além de ajudar na reconstrução do país africano, os recursos arrecadados deverão ser empregados na compra de mantimentos e medicamentos, muito importantes diante do quadro em que se encontra Moçambique. Isso porque, com a destruição de uma parte considerável da infraestrutura do país, a água está contaminada e há a proliferação de várias doenças, como a cólera.

Para o presidente da OAB-MT, Leonardo Campos, a solidariedade é uma das marcas da entidade e ela jamais se furtará em apoiar aqueles que mais precisam. “Esta é uma ação humanitária que visa incentivar a população a fazer pequenas doações. Com isso, poderemos ajudar a minimizar a dor e o sofrimento de muitas famílias atingidas pela tragédia em Moçambique”.

De forma a ajudar a divulgar a campanha, a OAB-MT criou um site com mais informações e os dados bancários para aqueles que quiserem doar. Para isso, basta acessar www.mocambiquevive.com.br.





Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/431305/visualizar/