Publicidade
Repórter News - reporternews.com.br
Politica MT
Terça - 15 de Setembro de 2020 às 15:48
Por: Wellington Sabino/Folha Max

    Imprimir


A convenção do MDB marcada para as 16h desta terça-feira (15), em Cuiabá, além de não contar com a presença do prefeito Emanuel Pinheiro, também não definirá um nome para o cargo de vice-prefeito. Essa decisão deverá ser tomada e anunciada na quinta-feira (17), uma vez que alguns partidos que fecharam apoio ao projeto de reeleição de Pinheiro, ainda vão fazer convenções nesta quarta-feira.

Mesmo com a ausência de Emanuel, seu nome deverá ser aprovado como candidato à reeleição pelo grupo que reúne outras 12 siglas. "O MDB vai aprovar o nome dele, mas ele não vai lá e nem definiu ainda", disse ao FOLHAMAX o presidente municipal da sigla, Francisco Faiad, que coordenará a parte jurídica da campanha. "Vamos aprovar o nome do Emanuel. É uma decisão unânime", enfatiza o correligionário.

Para o cargo de vice-prefeito, o mais cotado é o presidente do PV, José Roberto Stopa, que integrava o staff de Pinheiro no cargo de secretário municipal de Obras. Faiad observa que Stopa é um “nome bom e forte”, mas pondera que outros partidos também estão indicando nomes. Dentre eles, estão os médicos Marcelo Sandrin (PP) e José Augusto da Silva Curvo, o Tampinha (PL), bem como a advogada Sirlei Theis, também do PL.

Outro cotado para a vaga de vice é Milton Corrêa da Costa Neto (PTB), aliado de primeira hora de Emanuel Pinheiro. Ele também é médico e ocupou o cargo de secretário-adjunto de Planejamento e Operações da Secretaria Municipal de Saúde de Cuiabá. “Isso vai ser discutido na quinta-feira até porque tem partidos da base que vão fazer convenção amanhã ainda”, antecipou Francisco Faiad.

AUSÊNCIA DO PREFEITO

De acordo com Francisco Faiad, o prefeito Emanuel Pinheiro estará em Brasília na tarde desta terça-feira cumprindo agenda relacionada à Prefeitura da Capital. Ambos se reuniram pela manhã e Pinheiro o informou da agenda na Capital Federal. “Ele vai atrás de verba para incluir no orçamento da Prefeitura de Cuiabá para o ano que vem”, disse o emedebista quando questionado sobre a agenda de Emanuel em Brasília.





Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/438133/visualizar/