Publicidade
Repórter News - reporternews.com.br
Internacional
Terça - 14 de Junho de 2011 às 17:29

    Imprimir


Em nota divulgada por volta das 16h30 desta terça-feira, a Gol afirmou que "encontrou condições de retomar decolagens seguras para Buenos Aires (aeroportos internacionais Ministro Pistarini e Aeroparque Jorge Newbery) e Rosário, na Argentina; e Montevidéu, no Uruguai". A empresa disse que contratou a empresa Somar Meteorologia e constatou que a densidade da nuvem de cinzas do vulcão chileno Puyehue nas áreas sobrevoadas pela companhia é "100 vezes menor que o limite internacionalmente aceito para que se realizem operações aéreas".

Por outro lado, a TAM afirmou no início da tarde que estão suspensas operações nos aeroportos de Buenos Aires e Montevidéu. Os clientes podem ligar para a central de atendimento antes de viajar para verificar condições de voos ou tentar remarcar. Os números são: 4002 5700 (capitais brasileiras) e 0800 570 5700 (demais localidades), 0810 333 3333 (Argentina), 56 2 6767 900 (Chile), 595 21 659 5000 (Paraguai), 000 4019 0223 (Uruguai). A TAM disse também que passageiros "serão reacomodados nas próximas opções de voos disponíveis, após a normalização da situação, temporariamente sem cobrança de taxas".

A Gol disse que começou a contatar clientes que tiveram a programação alterada, via telefone, SMS e e-mail, para informar sobre a retomada dos voos. A central de relacionamento está disponível nos números 0300 115 2121 (Brasil) e 0810 266 3232 (Argentina). Reacomodações serão providenciadas sem cobrança das taxas previstas e, se os clientes preferirem cancelar a viagem, receberão o reembolso no valor integral dos bilhetes.

Nuvem perde força
A nuvem de cinzas do vulcão Puyehue, no Chile, deixou Porto Alegre (RS) e começou a perder força, segundo um novo boletim do Volcanic Ash Advisory Centres da Argentina (Vaac), citado pela Força Aérea Brasileira (FAB) nesta terça-feira. De acordo com nota divulgada pela FAB, a nuvem agora está encobrindo as regiões das cidades gaúchas de Caxias do Sul e Santa Maria e Florianópolis (SC).

A Força Aérea afirmou que a nuvem está mais baixa, a cerca de 1.000 m de altitude. O Vaac - responsável por monitorar as cinzas - informou, segundo a FAB, que a emissão de fumaça pelo vulcão está perdendo força progressivamente. Na manhã desta terça-feira, as cinzas também provocaram o cancelamento de voos na Austrália e na Nova Zelândia.





Fonte: Terra

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/87737/visualizar/