Repórter News - reporternews.com.br
Policia MT
Domingo - 07 de Março de 2010 às 08:08

    Imprimir


O corpo de um homem foi encontrado dentro do prédio do antigo Procon, que há alguns anos está abandonado na avenida Historiador Rubens de Mendonça (CPA). A vítima foi morta a pauladas e pedradas e ainda não foi identificada. Este ano, a Delegacia de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP) registrou 68 assassinatos e 2 latrocínios (roubo seguido de morte), em Cuiabá e Várzea Grande.

Desta vez, o corpo foi encontrado dentro do prédio abandonado e a morte foi provocada por Traumatismo Craniano Encefálico (TCE), conforme o Instituto Médico Legal (IML). O corpo estava de bruço e um grande pedaço de concreto estava em cima da cabeça.

Este é o segundo assassinato do mês. O outro caso ocorreu na noite de quinta-feira (4). Bruno Rafael Mariano Marques Ferreira, 22, foi executado com 4 tiros no peito, quando chegava em casa, no Jardim Umuarama. Ele pilotava uma motocicleta com a adolescente A.M.N., 17, na garupa. A jovem, que é mulher de Bruno, testemunhou o crime. A Polícia acredita em crime de pistolagem.

Segundo ela, um homem estava parado, sentado em uma motocicleta, na calçada diante da residência. Quando Bruno parou a moto, o assassino perguntou se ele vendia drogas. Não deu tempo dele responder e o homem sacou um revólver e fez os disparos.

Abandono - O abandono do antigo prédio do Procon transformou o local em reduto de usuário de drogas, que invadem o imóvel para consumir entorpecentes.

A situação, vai além de descaso com o patrimônio público por parte da gestão, coloca em risco a segurança das pessoas que moram, trabalham e estudam na região, que tem vários prédios residenciais, colégios, hospitais e vários outros estabelecimentos comerciais. (RF)





Fonte: A Gazeta

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/140726/visualizar/